Os dias mais secos do inverno são sinônimo de incômodos respiratórios. É possível perceber os efeitos da secura do ar na pele e nas mucosas internas, que consequentemente acabam desenvolvendo doenças dermatológicas e respiratórias.

As vias respiratórias são as que mais sofrem, já que são bastante sensíveis. Quando ressecadas, as mucosas ficam com fissuras que permitem a entrada de bactérias e vírus, comprometendo a saúde como um todo. 

É neste momento que surgem doenças como sinusite, rinite, doença pulmonar obstrutiva crônica (DPOC) ou asma. Junto com elas, os pacientes ainda sofrem com sintomas como ardência na garganta, dificuldade para engolir, tosse, catarro e até falta de ar.

Algumas dicas ajudam bastante na diminuição destes efeitos e no aumento do conforto:

  • Tomar bastante água;
  • Aplicar soro fisiológico no nariz;
  • Evitar ambientes com fumaça e poluição;
  • Evitar a exposição ao sol e a prática de atividade física nos horários de maior umidade, especialmente das 11h às 16h.

Purificador de ar 

O uso de purificadores de ar é fundamental para o conforto nos ambientes, principalmente nos dias mais secos. 

O Airvenue conta com tecnologia de ponta e diversas funcionalidades de alto desempenho que garantem ar fresco e puro. Além disso, ele mantém o nível adequado de umidade nos ambientes, melhorando a respiração e evitando o desenvolvimento de doenças. 

Já o Vivenso é o smartcleaner mais completo do mundo e, além de fazer a limpeza eficaz de toda a casa, também funciona como purificador de ar.

Com informações de Hospital Alemão Oswaldo Cruz e Santa Casa de Maringá